Por que trabalhar com um programa para cálculo estrutural nos projetos?

Não é viável fazer projetos de maneira competitiva sem um programa profissional para cálculo estrutural como apoio. Primeiro porque as normas exigem cada vez mais verificações que sejam atendidas simultaneamente.

Além disso, os modelos matemáticos de representação estão evoluindo muito junto com as normas, e as condições de garantias de segurança e desempenho também são maiores. O conjunto de análises e critérios de dimensionamento são mais diversificados e exigem um grande esforço computacional, com cálculos matemáticos repetitivos ou muito complexos, que não são mais viáveis de serem feitos a mão em um mercado em que a otimização do tempo de produção de projetos estruturais é cada vez mais necessária.

Outra exigência do mercado são mais detalhes e prescrições sobre o projeto, tarefa que exige exatidão e um tempo enorme para elaboração. Some-se a isso as diferentes alternativas de solução de projeto que o engenheiro precisa apresentar, já que uma só não é mais suficiente. Só com um programa específico para cálculo estrutural é possível estudar diferentes alternativas sem perder produtividade.

Assim, fica fácil entender que ter um programa é uma necessidade. Mas agora fica a dúvida: quais são requisitos técnicos necessários e como saber escolher quais programas devo utilizar?

Abaixo, listamos algumas características que você deve considerar para poder escolher seus programas para projetos:

Fácil aprendizado.

Como a engenharia estrutural é uma área de conhecimento muito complexa, aprender a usar o software não pode ser mais difícil que os desafios existentes na própria elaboração de projetos. Escolha o software que você consiga dominar por completo, sem que ele se torne uma barreira para você fazer o que precisa.

Documentação ampla.

Um programa para essa área precisa de uma documentação completa e ampla, para auxiliar nas dúvidas de uso e nos critérios internos adotados. Isso significa uma ajuda para cada comando e recurso, bons tutoriais com passo a passo de utilização e, exemplos com casos de uso dos principais recursos dos programas. Dê preferência por soluções que estejam disponíveis online, ou que possam ser atualizadas pela internet, pois documentações impressas ficam obsoletas muito rapidamente, enquanto que as online são sempre atualizadas.

banner-ebook-7-passos-de-preparacao

Suporte técnico acessível.

Por mais que o uso do software seja relativamente simples e tenha boa documentação, é indispensável um suporte técnico de qualidade prestado por engenheiros especializados capazes de sanar as dúvidas do cliente, não apenas do ponto de vista do uso do programa mas vinculado com a realidade do projeto. Muitas vezes, a dúvida é em relação ao resultado que o programa gerou, algo que precisa ser bem interpretado tanto pelo usuário quanto pelo Suporte Técnico, que deve ser capaz de auxiliá-lo a identificar por que isso está acontecendo, se foi problema com os dados inseridos, com a concepção da estrutura ou alguma configuração escolhida.

Dispor de recursos gráficos e relatórios.

No uso de um programa que envolve tanta responsabilidade associada ao projeto, é fundamental que os resultados gerados possam ser devidamente conferidos e interpretados. Para isso, procure programas que ofereçam saídas gráficas completas, com uso farto de ferramentas de visualização, pois seguramente é uma maneira mais fácil de interpretação de resultados. Para os casos em que você precisa de resultados mais detalhados, precisará de relatórios completos que possam lhe auxiliar na montagem de memoriais de cálculo, muitas vezes exigidos pelos contratantes. Verifique se isso é bem apresentado dentro das alternativas que está analisando.

Configurações flexíveis.

Cada projetista e cada cliente tem suas preferências de solução, que ainda podem variar para cada projeto. Por causa disso o software precisa ser flexível para se adequar a padrões de projeto, parâmetros normativos e situações diversas exigidas pelo mercado. Fique atento às opções de configuração disponíveis nos programas!

Política de atualização facilitada.

Os programas para esse tipo de projeto normalmente estão em constante evolução – seja devido às normas que mudam com o tempo, seja porque o programa recebe novos recursos e ferramentas de projeto para atender às exigências do mercado. Assim, para que você atue com projetos deve estar com seu programa sempre atualizado, a fim de atender aos requisitos de norma e manter-se dentro de uma excelência em qualidade e produtividade. Dessa forma, o custo de atualização de seu programa não pode ser, de maneira alguma, um problema para que você continue usufruindo da melhor tecnologia disponível. Antes de decidir pela compra, pergunte ao vendedor sobre o custo de atualização e a periodicidade com que costuma acontecer para que você já possa se programar para isso.

Em suma, o melhor software é aquele que você tem o maior domínio de uso, proporcionado por essas características descritas acima. Não adianta ter uma ferramenta muito sofisticada e não saber usá-la, pois o que realmente determina o bom resultado é um bom conhecimento de engenharia associado ao domínio completo do programa.

Podemos ajudá-lo a escolher um software adequado para a elaboração dos seus projetos estruturais.

Se você gostou do material acima leia também
[CDATA[ */ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ */ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d